CIGA elege nova diretoria e aprova metas para 2018

A Assembleia Geral Ordinária do CIGA reuniu prefeitos dos municípios consorciados nesta quarta-feira, dia 31. Na ordem do dia estava a apresentação do Relatório de Atividades e Prestação de Contas do Exercício de 2017, a previsão orçamentária para este ano e o plano de trabalho para 2018.

O Conselho Fiscal do CIGA também se reuniu no início da manhã para analisar as contas e emitir o parecer sobre o relatório financeiro do ano passado. O prefeito de Vitor Meireles, Bento Francisco Silvy, coordenou a reunião, que também contou com a presença de outros prefeitos dos Conselhos Fiscal e de Administração.

Relatório de Atividades e Prestação de Contas 2017

A Assembleia Geral foi coordenada pelo então presidente do CIGA, Douglas F. de Mello, prefeito de Lebon Régis, que apresentou o parecer do Conselho Fiscal aos demais participantes. A Prestação de Contas do ano anterior foi aprovada, assim como o Relatório de Atividades previamente encaminhado a todos os consorciados e publicado no site do CIGA.

Propósito Transformador Massivo

Durante a reunião foi levado à pauta o Propósito Transformador Massivo proposto pelo CIGA, a fim de adequar a atuação do consórcio ao ambiente de inovação tecnológica. O texto foi aprovado e agora além de sua missão, de “prover soluções tecnológicas para a melhoria da gestão pública”, o CIGA também se propõe a “tornar cidades inteligentes e sustentáveis”.

Segundo o diretor executivo do CIGA, Gilsoni Lunardi Albino, a ideia da adoção de um propósito visa estender o entendimento aos empregados, aos gestores e à comunidade, impactada pelo Consórcio, que vai além da simples interpretação de indicadores de gestão, e abrange a real transformação que a atividade do CIGA pode trazer para os municípios.

Nova diretoria do CIGA

A Assembleia Geral Ordinária do CIGA é geralmente marcada pela eleição da nova diretoria. O prefeito de Luzerna, Moisés Diersmann, que até então era vice-presidente do CIGA, foi conduzido por unanimidade à presidência do consórcio. 

“Primeiramente quero parabenizar e agradecer a todos os prefeitos que contribuíram para o fortalecimento do CIGA, assim como toda a equipe técnica. É importante ressaltar que o CIGA não é simplesmente um consórcio de informática, mas sim um fornecedor de soluções de tecnologia, que visa auxiliar os municípios numa visão cada vez mais inovadora”, ressaltou Diersmann.

O novo presidente do CIGA afirmou que pretende dar continuidade ao trabalho desenvolvido até agora pelo prefeito Douglas F. de Mello e manter o foco em tecnologia e inovação, com a proposta de tornar as cidades mais inteligentes.

Foto: Divulgação CIGA